Home > Livros > Resumos > Resumo do livro Vidas Secas – Análise e Resenha

Resumo do livro Vidas Secas – Análise e Resenha

Vidas Secas, análise, resenha e resumo do livro Vidas Secas de Graciliano Ramos. Principais personagens e link para download em pdf. Escrito por Graciliano Ramos entre 1937 e 1938 Vidas Secas é um dos clássicos da literatura brasileira e continua sendo um dos livros mais exigidos no ensino médio e em vestibulares. A obra aborda a sofrida marcha de uma família de retirantes nordestinos; porém, seu grande diferencial é a linguagem seca, narrando a enxurrada de sofrimentos que acompanha as dificuldades enfrentadas sem ser panfletário nem fazer juízos de valores. A “linguagem seca” também refere-se ao uso escasso de adjetivos e advérbios, o que reflete a aridez do cenário em que a história se passa.

A obra de Vidas Secas pertence à segunda fase modernista, conhecida como regionalista, por retratar com detalhes a vida de uma parte específica do país – no caso dos nordestinos, e sua miséria em tempos de seca.

A estrutura do livro é bastante interessante. A obra é dividida em 13 capítulos. Tais capítulos, porém, não apresentam linearidade temporal – ou seja, eles não necessariamente se passam um após o outro. Dessa forma, é possível ler os capítulos em qualquer seqüência, sem que a história fique sem sentido. Apesar disso, existem uma importância simbólica no primeiro e no último capítulo, chamados respectivamente de “Mudança” e “Fuga”; percebe-se neles a abertura e o encerramento de um ciclo, e mais evidentemente uma situação cíclica permanente – uma vez que cada nova fuga acaba resultando em uma mudança.

A família da narrativa é composta pelos seguintes personagens: Fabiano, homem embrutecido e que não teve educação formal, que tem grande dificuldade de expressar-se e mesmo de concatenar suas idéias; sua esposa, Vitória, uma mulher forte e muito trabalhadora, que não perde a fé em encontrar uma vida melhor; o filho mais velho e o mais novo; e a cadela Baleia.

Em cada momento de Vidas Secas, os personagens enfrentam as dificuldades e a miséria de acordo com suas expectativas e visão de mundo. Os filhos, por exemplo, apesar de não terem seus nomes citados, são bastante individualizados de acordo com sua visão de mundo: o mais velho é curioso sobre as palavras (no início da trama, busca inutilmente entender o que significa “inferno”), e desconfia de seu pai, um homem de poucas palavras; já o mais novo admira o pai e o vê como um modelo.

Já Fabiano vive o conflito de não conseguir corretamente expressar-se, e portanto conviver adequadamente com o mundo exterior. Com certa freqüência ela suporta situações difíceis em silêncio; ele vê a família como um peso, em geral irritando-se com algumas atitudes das crianças. Algumas dessas características de Fabiano e sua relação com a família surgem logo no primeiro capítulo: primeiro, há menção ao papagaio, que pouco falava (por resultado de conviver com pessoas caladas); além disso, um dos meninos cai cansado ao chão e não consegue mais caminhar, ao que Fabiano se irrita, mas eventualmente carrega o menino nos braços, o que torna a caminhada ainda mais insuportável.

Por outro lado, Vitória é sonhadora e inconformada com a situação de miséria em que vive sua família. É sua esperança de uma vida melhor que a impulsiona a dedicar-se tanto – além de cuidar dos filhos, ela também trabalha ao lado do marido. Seu maior sonho é ter uma cama de fita de couro para dormir.

Personagens do livro Vidas Secas

Vidas Secas Resumo
Vidas Secas – Resumo

Baleia: Cadela da família tratada como gente, muito querida pelas crianças.

Sinhá Vitória: Mulher de Fabiano, mãe de 2 filhos, lutadora e inconformada com a miséria em que vivem, trabalha muito na vida. Possui nível intelectual um pouco superior ao do marido que a admira por isto.

Fabiano: Chefe da família, homem rude e quase incapaz de expressar seu pensamento com palavras; nordestino pobre, ignorante que desesperadamente procura trabalho, bebe muito e perde dinheiro no jogo.

Filhos: Crianças pobres sofridas e que não tem noção da própria miséria que vivem.

Patrão: Contratou Fabiano para trabalhar em sua fazenda, era desonesto e explorava os empregados.

Tomás da Bolandeira: dono da fazenda, onde a família se abrigou durante uma tempestade, e homem poderoso da região que impõe sua vontade.

Outros personagens: o soldado, seu Inácio (dono do bar).

Filme Vidas Secas

A obra de Graciliano Ramos ganhou uma adaptação para o cinema em 1963. O filme Vidas Secas foi dirigido por Nelson Pereira dos Santos para a Herbert Richers e recebeu o prêmio do OCIC e o dos Cinemas de arte. Indicado à Palma de Ouro, foi considerado o melhor filme de 1965 na Resenha de Cinema de Gênova 1965 (Itália).

Download do livro Vidas Secas pdf

Vidas Secas download em pdf

Check Also

Otelo resumo pdf

Resumo do livro Otelo – Análise e Resenha

Neste artigo uma incrível análise e resumo do livro Otelo de Shakespeare, os principais personagens ...

One comment

  1. Amei o texto, bem legal. O seu jeito de abordar ficou muito coerente, gosto de falar sobre este tema também. Siga esta linha e tenha sucesso. Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *